TRADUTOR

terça-feira, 18 de agosto de 2009

A eficácia da diferença de um cristão


Mateus 5.13-16

I.Há no mundo basicamente dois tipos de misturas:
Heterogénea, aquela onde os elementos de sua composição não se fundem, mas, se divergem ou não se tornam iguais, da mesma forma. Ex: Água e óleo.
Homogénea, aquela onde os elementos de sua composição se fundem. Se tornam como se fossem um. Ex: Água e álcool.
Então o cristão é heterogéneo ele está no mundo, mas, não se funde com o mundo. Ele é especial(Tito 2.14), se destaca pela sua vida entre os demais.
O que parece não é a diferença aqui, não é produzida por homens, mas, pelo Espírito Santo, lembre-se, das palavras de João no primeiro capítulo de seu evangelho," que não nasceu segundo a vontade do homem"(João 1.13, Daniel 12.3).
No céu nem todos os astros a noite por nós enxergados são estrelas, mas, todos resplandecem. É que duas formas de astros no céu. Os luminosos, ou aqueles que possuem luz própria, e os iluminados, os que refletem a luz das estrelas ou do Sol, como e o caso da Lua, e por isso brilham como estrelas na noite. Concluímos então, que somo nós cristãos, astros iluminados no mundo,refletindo a glória de Deus (II Corintios 3.18).
A diferença produzida pelo homem, não é absolutamente heterogénea, pois pode ser facilmente absolvida, pelo mundo como água e gelo. Como as vestes por exemplo, através da moda. Mas não será absolvida a decência cristã(I Pedro 3.1,2, Tito 2.1-10), pois a luz é contraria as trevas (Efésios 5.11).
Não basta apenas ser diferente, a nossa diferença tem que ser eficaz, não basta apenas ser lâmpada tem que brilhar, não basta ser sal, tem que salgar.
Eficaz: que produz o feito desejado; eficiente.
A sua diferença tem sido eficaz?
Pedro, na ocasião da prisão de Jesus, foi diferente para a porteira, os que aquentavam e o servo de Caifaz, mas, não foi a sua diferença eficaz no entanto a vergonha que invadia a Pedro, tornou a sua diferença mais ineficaz(João 18.17,25-27).
Mas no dia de Pentecostes a autoridade e ousadia produzida pelo Espírito Santo na vida de Pedro, por meio de sua pregação,foi bastante eficaz, para a conversão de quase três mil almas (Atos 1.14-41).
Pela ousadia de Pedro e João foram eles reconhecidos,que eram discípulos de Jesus (Atos 4.13). E fizeram a diferença.
II.Mas o que deve haver para que a nossa diferença seja eficaz?
A).Ela deve produzir no pecador a consciência do pecado (Atos 8.18-24). As palavras e vida de Pedro produziam isso.
B). Ela deve levar o pecador a glorificar a Deus pela sua vida (Daniel3.28,29).
"Portanto não há outro Deus que possa livrar como este"!
C). Ela deve influenciar positivamente as atitudes e pensamentos de seu próximo (Marcos 12.33,34). Você é sal!
III.Conheceremos pelo mesmo Espírito que habita. O Espírito de Deus me fará, saber e conhecer ao meu irmão (II Coríntios 5.16).
A). O apóstolo Paulo afirma, que não devemos mais conhecer as pessoas segundo a carne. Isso é, para um crente conhecer outro crente. Pois se o mesmo Espírito que habita nele, habita também em ti, então pelo Espírito você conhece a seu irmão. Não pode ser assim como o mundano pois nele está um espírito mundano (Romanos 8.15, I Coríntios 2.12).
Em nós o Espírito de Deus. Se tiver, o Espírito de Deus conhecerá os que sãos de Deus. Por isso, o mundo não nos conhece, pois nem ao próprio Deus conhece (I João 3.1, Romanos 8.9)
B).E para que o mundo saiba que somos discípulos, é a velha receita, "amaro próximo como a si mesmo"(João 13.34,35).
E para que o mundo saiba que verdadeiramente, Jesus foi enviado por Deus, temos que nele sermos um. João 17.21-23
Amém!

Nenhum comentário:

Leia mais...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...