TRADUTOR

terça-feira, 2 de setembro de 2014

O tempo de Deus e as eras Geológicas

“Sabemos que para Deus mil anos são como um dia...”

(II Pedro3. 8)

Gostaria de tomar como princípio desta reflexão, o fato bíblico e histórico de que, quando Deus criou o homem, já o fez adulto, maduro, já dotado de todos os conhecimentos, inclusive do domínio de uma língua, a qual foi matriarca de todas as línguas a qual conhecemos hoje. Como Deus fez o homem assim? Não estando sujeito ao tempo, mas, tendo o mesmo peso e valor daquilo que esteve sujeito ao tempo, como o foi sua geração depois dele?
Assim e da mesma forma acontece na criação dos céus(universo) e da terra. Não importa o tempo que levou para que tudo isso viesse a existir, o que importa é que vieram. Pois uma coisa que é feita por Deus, no seu tempo( o qual chamo de processo divino), que é atemporal, tanto pode levar anos, como apenas milésimos de segundos; quando analisamos o que Deus fez, geralmente se o fizermos analisando apenas pela ótica humana, constataremos o tempo e o custo que este algo levaria para acontecer, pelo processo natural. Como no caso da criação do universo, o dividimos em eras geológicas, as quais levam bilhões ou trilhões de anos para que a terra esteja no seu estado atual, e não estaremos errados ao constatarmos que Deus pré-estabeleceu um tempo para todas as coisas, como está dito em Eclesiastes 3, e também somos racionalmente levados a esta conclusão, pois desde pequenos observamos que tudo está sujeito ao tempo para se desenvolver, crescer, deteriorar, estragar, etç...
Cercados por estas argumentações é claro que chegaremos a pensar assim, e a concluir que a terra levou longas eras geológicas para chegar ao seu estado atual, isto é o processo natural, ou seja, o processo que a natureza tem para recriar ou procriar, ou continuar criando e formando as coisas; continuar por que todas as coisas deram origem pelo processo divino e continuam pelo processo natural.
Deus fez e sempre fará as coisas assim pelo processo divino, mas ele também faz pelo processo natural. A aboboreira do livro de Jonas, e tantos outros fatos bíblicos, como a confusão das línguas, e a cura da ferida de Ezequias; hoje não é diferente coisas que demorariam anos para se resolverem, ou dias, Deus da a solução num simples piscar de olhos.
A ótica humana vê as coisas, e as descrevem por causa de sua limitação, pelo processo natural, mas precisamos saber, que se Deus disse, que não levou o tempo que levou, então é por que não foi assim. Deus é quem sabe e pode. Então Deus criou a terra em 7 dias, ou 7 eras, o que importa, é que Deus descreve isso para Moisés e separou a etapa de toda a sua obra em 7 momentos, os quais ele disse a Moisés, foram 7 dias, e acredito eu assim pois nesta afirmação esta implícito o caráter de Deus, que não mente.Negar que o mundo foi criado em 7 dias é dizer que Deus é mentiroso. Deus poderia muito bem ter na realidade feito em muito menos que isso, poderia ser ate menos que um minuto, poderia ser
 segundos.

2 comentários:

ANTONIO M. RIBEIRO disse...

Você foi muito feliz na exposição do assunto. Parabéns!


Felipe F.Lopes disse...

Obrigado irmão, pelo comentário. Que o Senhor continue te abençoando!

Leia mais...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...