TRADUTOR

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Engano Religioso

Veja este estudo desde o começo, nestes links.
As quatro inquidades destacada no séc.XXI
Escândalo
Traição
Ódio
Engano Religioso
" Igualmente hão de surgir muitos falsos profetas, e enganarão a muitos" Mateus 24.11

Essa iniquidade foi a quarta iniquidade destacada por Jesus.

Essa iniquidade por sua vez ataca três fundamentos, os quais são, religião verdadeira, conhecimento genuíno sobre Deus e razão.

* Religião verdadeira: Como o texto mesmo diz, muito se tem multiplicado as heresias em nosso meio, nos dias atuais, debaixo das bandeiras da globalização, do ecumenismo, e da Nova Era, as seitas e as religiões as mais variadas tem contaminado toda a terra. Não se carece portanto explicar, por que isto é um atentado contra a religião verdadeira, pois está nítido que com tantas religiões assim, o indivíduo fica sem saber quem é a verdadeira, pois este é exatamente o propósito confundir(Tito 4.3).

A religião verdadeira ou aquela que professa a verdade sobre Deus, não possui uma placa dizendo; "somos os verdadeiros" pois se fizesse, logo as outras a imitariam; "também somos".

A religião verdadeira não possui dógmas humanos, não foi criada por homens, mas se originou dentre eles, o primeiro praticante dela foi Enos, o primeiro homem adorador, diz o texto sagrado; "então se começou a invocar o nome do Senhor", (Gn 4.26). Ela parte da adoração sincera, Jesus disse;" nem nesse monte nem em Jerusalém", por que não está presa a cultura humana, ela nasce do Espírito Santo, ele é o que nos liga a Deus, e por qual meio? Por Jesus, ele disse; "Eu sou o caminho"...(João 4.21-23/João 14.6).

*Conhecimento genuíno sobre Deus. Cada religião limita e distorce o conhecimento que o homem tem de Deus, para muitos a diferença entre o Deus bíblico e o pagão, é que o pagão são muitos e limitados, e o bíblico é um apenas, ou seja preconceituam a Deus. O engano religioso afasta o homem do conhecimento genuíno de Deus. Deus não está longe, disse o apostolo Paulo, "ainda que tateando o pudessem achar", o conhecimento genuíno sobre Deus vem quando descartamos todo o preconceito religioso, e começamos a andar com Deus, "ouvi falar, mas, agora o vejo", disse Jó, é assim que é o conhecimento genuíno, a Bíblia nos revela, a natureza nos revela, mas, só o próprio Deus diz tudo, e mais um pouco(Atos 17.27/Jó 42.5).

*Razão.Se o engano religioso ataca a religião verdadeira não permitindo assim, com que o indivíduo conheça a verdade, lançando dúvidas e confusão sobre a mente dos homens; ataca também o conhecimento genuíno sobre Deus, deturpando tudo o que se pode saber sobre Deus, através da Bíblia e da natureza. Logo o engano religioso ataca também a faculdade intuitiva, ou a razão humana. Com tanto engano, a razão em trevas torna-se cética, a religião verdadeira tornasse uma utopia, os religiosos espertalhões, e Deus uma mentira fictícia criada pelo intelécto criativo e primitivo da pré-história humana, sustentado até hoje como uma forma de cabresco e freio as loucuras humanas. E ai? O que indagar? Como argumentar? A razão dos tais está em trevas, só o evangélho genuíno é que pode lançar luz, sobre tudo isto, o Salmistas diz;" na tua luz veremos a luz". Quando a pessoa rejeita o evangélho então vem a operação do erro e os mesmos creêm nela, mas, aquele que crê em Jesus, jamais andará em trevas( Salmo 36.9/2 Tessalonicenses 2.10,11/João 8.12).



Conclusão


As quatro iniquidades listadas por Jesus, em Mateus 24.10 e 11, atinge ou são endereçadas a muitos valores e bons costumes, nescessários a boa convivencia e a própria vida. Tenho mencionado apenas nove destes valores, dentre os quais, a própria vida é um deles. E por que os chamo de fundamentos? Por que abalando eles traz consigo, uma desestruturação na vida e no convívio familiar e social, destruíndo eles ou sem eles torna-se insuportável a vida e o convívio entre as pessoas. Eles são, consciencia, fé, boa-fé, fraternidade, paz, vida, razão, religião verdadeira e conhecimento genuíno sobre Deus.

Agora, como atingindo estes fundementos eu posso atingir o amor, esfriando-o? Na humanidade, estes são os fundamentos do amor, eles são o meio pelo qual ele sobrevive e se manifesta, se não pudermos confiar nas pessoas, se a nossa vida estiver sempre em risco, se nutrirmos o ódio, se maculamos a fraternidade, se em tudo o que acreditamos é constantemente bombardeado, se os nossos referencias na fé ferem-nos constantemente, me responda e ai?

E ai? Olhemos para o Salvador autor e consumador da nossa fé, pois o texto também diz.

Mas, aquele que perseverar até o fim será salvo. Mateus 24.13

2 comentários:

Ivani Medina disse...

Por falar em engano, há um grave engano do qual não se fala.

http://cafehistoria.ning.com/profiles/blogs/o-engano-e-os-enganados

Felipe F.Lopes disse...

Eu li seu texto, estou ciente de que existe muitas versões para a história. Mas, o que você me diz sobre o testemunho do Espírito Santo, em relação a Igreja, por várias vezes demonstrado, através dos grandes avivamentos ocorridos nela em meio aos séculos?

Leia mais...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...