TRADUTOR

domingo, 29 de agosto de 2010

Andando por fé(Parte 1)


Por que andamos por fé e não por vista. II Coríntios 5.7

I. Andar por fé é andar sobre as águas do mar. Mateus 14.28,29
.Pedro teve fé, pois como se pode andar sobre as águas?
.Não devemos tentar a Deus, Pedro andou por que Deus mandou.(Mt 4.7)
a) Se Jesus mandar faça.
b)Se não te mandar não faça, para que depois não venhas a dizer, que Deus te desamparou, que Ele foi errado.

II. Andar por vista é afundar nas águas. Mateus 14.30,31
.Pedro sentiu o vento forte. Se adamos por fé, devemos muitas vezes ignorar certos sentidos.
a)Ele sentiu e teve medo, se ele tivesse ignorado o veto forte que sentia, não teria afundado. Pois não temeria a ele.
1. Muitas das vezes estamos apegados ao sentir.Se não sentimos não cremos. Se começamos num culto e não ouvimos, nem um glória, nem uma língua estranha, já começamos por dúvida. "Será que Deus esta recebendo meu louvor"? Ora sem fé é impossível agradar a Deus, Hebreus 11.6
2. Se você se aproxima de Deus, sem fé, como pode querer que Ele receba o seu louvor? Ou responda a sua oração?Ou te fale através da palavra, se você até tem dúvida, se é esta a palavra ou não.Se queremos o sentir, primeiro é que cremos.Se dependemos de sentir primeiro para depois crer, estaremos como Tomé. Como diz o texto."Se creres verás a glória de Deus".João 11.39
b) Se você anda pela fé, que acreditar mesmo que não veja.É como a esperança."Se esperamos o que não vemos, com paciência o esperamos... ora a esperança que se vê não é esperança".Romanos 8.24,25
1. Para que ponto-de-fé? Que fé é esta que precisa, de que se veja alguma coisa. João 20.27
.Pedro teve medo, medo é sinonimo de dúvida.Se temos medo, é porque estamos inseguros a respeito de alguma coisa.
a) Se não pudermos crer, não podemos servir a Deus. Mediante a fé somos salvos, pela justificação que alcançamos em Cristo Jesus, pela fé, temos paz com Deus. Romanos 5.1
b)Pela fé Pedro andou sobre as águas, podendo assim cumprir o mandado de Jesus, que mandou que ele viesse ao seu encontro m cima das águas.Mas, quando duvidou, afundou nas águas, e não pode mais andar sobre elas, não pode mais cumprir o mandado de Deus, ele afundou.
III Ai então é só pedir socorro. Pois se isso não fizeres, poderás morrer no mar da vida.

continua...

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Palavra importante 6: Santidade


A palavra santidade; quer dizer separar para uso divino. Mas a sua aplicabilidade amplia este conceito. Quando vemos a sua aplicação no Velho Testamento, vemos que santidade, não trazia apenas o sentido de consagração, mas, também o de purificação, onde as práticas de higiene as quais a lei impunha aos judeus, visavam isto(Lv 6.22-27). Pois o homem para se santificar deveria se lavarem água corrente, não tocar em cadáveres, ou comer alguma carne de animal imundo, ou tocar no sangue ou sémen, ou mesmo numa mulher no período de sua menstruação, e muitas outras práticas eram exigidas para que se pudesse santificar(Lv11.39,40/15).Então na aplicação da palavra , ela no Velho Testamento trazia um significado bem mais amplo. Agora no Novo e no Velho Testamento, a palavra ganha outra dimensão que não somente a física, santidade também quer dizer, pureza moral, coração com propósitos e caminhos bons e justos(Mt 5.8/Hb 12.14). No Velho testamento, ainda na lei, Moisés fala que os pais não deveriam fazer com que suas filhas viessem a prostituir, pois a sua conduta viria a contaminar toda a terra, ou seja não era uma contaminação física, mas, moral(Lv 19.29). Pois seguiria-se seu mal exemplo. Jesus no Novo Testamento diz assim. "Bem-aventurado os limpos de coração, por eles verão a Deus"(Mt5.8).A santidade é algo que precisa estar na vida e no coração daquele, que busca servir a Deus, por que Deus conhece o homem pelo seu coração, ele reprova toda conduta impiedosa.Santidade é a conformação com a lei de Deus. Pecado é a transgressão da mesma. Mas santidade também é um estilo de vida totalmente em harmonia com o universo, o ser santo é um ser perfeito, a perfeição de que Deus, nos pede não é uma utopia, mas, o verdadeiro santo não se considera santo, e talvez se julgue a si mesmo um miserável pecador, pois contemplou o eterno e ficou assombrado. Glória a Deus, Aleluia!

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

A sedutora ilusão do espíritismo


A Bíblia diz que ao homem, está ordenado morrer uma única vez, está é a regra(Hebreus 9.27), salvo nos casos de ressurreição, casos estes que são raros ocorrendo apenas por vontade de Deus.Mas como seria bom para muitos, se houvesse uma segunda, terceira, chance, pela qual ele pudesse voltar em outra vida, e refazer agora de um forma melhor e bem mais justa, e por meio de boas obras pudesse alcançar uma vida melhor!Acontece que não é assim, mas, é nisso que muitos querem acreditar, muita das vezes até mesmo cristãos largam a sua fé, para seguir atrás desta sedutora ideologia ilusória. Acontece também que no Brasil, mais e mais cresce o número dos adeptos desta ideologia espírita.
Você já imaginou se você morto, pudesse mandar mensagens para seus entes queridos, e lhes avisar do mal e da realidade de espiritual, por meio de médiuns? O rico da parábola de Jesus, até quis( por certo, penso eu, durante sua vida pródiga, ouvia e lia sobre esta ideologia, que não é assim nova). Chegando no Ades, viu Abraão lá no Seio de Abraão, nome dado por Jesus ao lugar de descanso dos justos, lembrou-se desta filosofia.É claro ele não pediu para que falasse através de um médium, mas, pediu a ressurreição de um defunto para cumprir este propósito. Mas, quão grande foi a sua decepção ao saber, que isto também não seria permitido. Por que na terra já existia, livros e profetas de Deus, que apregoavam e previnião os homens para que este fossem salvos da condenação eterna(Lucas 16.19-31).
Mas, como já tenho declarado é crescente o número hoje de pessoas, que se agarram se prendem a estas filosofias, na esperança de se comunicarem com estes queridos que morreram, para saber como estão, obterem conselhos, e muitas outras coisas.
A literatura psicografada, de supostas histórias que supostas pessoas que aqui viveram, dizem aos médiuns, é muito popular e difundida, sendo lida por até mesmo cristãos, simplesmente como uma forma de literatura, esta ideologia é apregoada, nas novelas e filmes. As pessoas se apegam a ilusões como essas, por corresponderem as suas expectativas. A verdade, já na maioria das vezes é frustrante. Para cada coração Satanás, tem uma mentira, tão sedutora quanto o brilho do ouro, e o cheiro de um pernil assado e bem temperado às narinas de um faminto mendigo.
Mas, se alguém está cansado de viver na ilusão, a palavra de Deus é Lâmpada para os seus pés, e luz para o seus caminhos(Salmos 119.105). A verdade pode ser decepcionante, mas, é libertadora, nem sempre nos corresponde, mas, nunca nos abandona, e ela é a força de todo o justo.

Leia mais...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...