TRADUTOR

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Pensando na onisciência e no limitar-se de Deus


Quando Davi em seu Salmo 139, diz. “Senhor tu me sondaste...”.Mostra pela palavra a constante observação de Deus a cada passo e pensamento que se manifesta e que se há de manifestar em nós. Numa compreensão comum da para pensar que Deus precisou de investigar a Davi, para que conhecesse-o, lançando então trevas ao conhecimento da onisciência de Deus, mas, o texto é uma oração onde Davi lançando mão da onisciência de Deus, declarasse-se justo e inocente de todas as acusações, e no final do Salmo nos versos 3,24 ele faz lhe um pedido, para que o investigue e vê se naquilo em que o condenavam ele era realmente culpado e mais fundo foi, “vê se há e mim algum caminho mal, e guia-me pelo caminho eterno”.Deus não precisava fazer isso, mas, mostra ao fazer isso a intimidade que tem com seus filhos e as suas criaturas, e o seu cuidado paternal, e no caso aqui com o salmista. Não pretendo investigar esse salmo porque o vejo como por demais claro na declaração da onisciência divina, o tomo apenas como base, para o título e assunto que aqui apenas cito, contido ou subentendido nas palavras, “Tu me sondas”.Título o qual é “o provar de Deus”(Assunto este que vou começar a abordar mais a frente, em outras postagens).

Para te provar, para saber o que estava no teu coração,se guardarias ou não os seus mandamentos”.(Dt 8.2)Há muitas passagens na Bíblia semelhantes a estas, que lançam dúvidas à onisciência de Deus,mas, vemos pela experiência e pela história da palavra de Deus, que em seu convívio com o homem sempre lançou mão desta ferramenta ou seja, de se limitar ao limite do homem, entendo particularmente, que para melhor se comunicar e relacionar com o homem, assim como subentendo pela passagem de Oséias 11.4, que diz:

Atraí-os com cordas humanas, com cordas de amor...”

Vemos isso em Gênesis 2.18-20/3.8-13, quando o homem pecou e Deus se limitou mesmo assim ao limite do homem, isso digo, quando perguntou o que Ele já sabia. Quando Deus e seus anjos se limitaram a forma humana e comeram e dialogaram com Abraão e Sara, Gênesis 8.1-21.E quando chegou a Balaão e lhe perguntou: “Quem são estes homens contigo?”(Nm 22.8-20).Então por essas e outras passagens vemos que Deus se limita ao limite humano, em certo sentido para melhor se comunicar e relacionar com Ele. Mas, também pela palavra sabemos que Deus também tem se revelado um pouco como ele é, para que saibamos como ele é maravilhoso ao se limitar-a nós, do contrário como ele mesmo disse; “A sua presença nos consumiria...”, e isso Isaías o viu o povo de Israel e ficaram assombrados(Isaias 6/Êxodo 24.15-18).Mas, um dia disse João em I João 3.2, que um dia seremos semelhantes a Ele, pois o veremos como Ele é.

Nenhum comentário:

Leia mais...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...