TRADUTOR

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Ponto a considerar 9: Se o Senhor(Deus) quiser...

"Em lugar do que devíeis dizer:Se o Senhor quiser, e se vivermos, faremos isto ou aquilo.Mas, agora, vos gloriais em vossa presunções; toda glória tal como essa é maligna".Tiago 4.15,16.

Hoje me deparei com este texto, ousado e instrutivo de Tiago a igreja do século I(sim igreja do século primeiro, pois o termo primitivo nos dias atuais, soa como algo em evolução, cheio de defeitos, e no caminho da melhora, e hoje sabemos que a história da igreja por meio dos séculos tem provado, que a igreja primitiva era como uma modelo ideal  o qual a igreja dos dias atais veio a se desviar, é claro que os teólogos modernos ditos "progressistas",duma forma arrogante, ainda sonham com uma igreja melhor do que aquela, digamos assim,sem "preconceitos").Este texto me fez lembrar daquelas pessoas que sempre te repreende toda a vez que você diz; "Se Deus quiser"... e acrescentam "Deus quer"..., mas, acho que os tais pregadores desconhecem esta parte da palavra de Deus, e porque dizer "Deus quer", não é algo assim tão prudente e certo de se dizer, pelo contrario o texto que trago para a questão diz, que é pura presunção. Porque? Questionaria um destes teólogos da prosperidade ao apóstolo Tiago, e o contesto nos diz, que nós não sabemos nem conhecemos os planos de Deus, e que por este fato devemos nos portar de forma humilde, levando em consideração a vontade soberana dele, e antes de procurarmos fazer qualquer coisa, saber e ter a certeza da vontade de Deus sobre o assunto é essencial. E mesmo que pensemos que sabemos a vontade do Senhor, devemos mesmo assim continuar na mesma postura de humildade levando em consideração, a sua vontade, pois é justamente isso que essa expressão pressupõem " se Deus quiser", ou seja, "se for da vontade de Deus". Porque mesmo que cuidamos saber a vontade de Deus para um plano nosso, todavia, devemos procurar saber também a vontade de Deus, para os detalhes que envolve este plano, e a vontade de Deus em cada passo. As pessoas que são presunçosas ignoram os detalhes, sabem o ponto e onde devem chegar, mas, ignoram a vereda por onde devem passar, e a vontade de Deus não se faz apenas com o objetivo, mas, com toda a estrategia para o alcançar.
Logo trazendo isso para os nosso planos pessoais, assim como exemplifica Tiago,mesmo os nossos projetos devem com uma postura levar em consideração os Deus o nosso Senhor(se é que ele é o teu Senhor?),pensa e se vai ou não aprovar. Mas, a postura do "Deus quer", nunca pressupõem na verdade a vontade de Deus, mas, na verdade pressupõem a carnal vontade da própria pessoa. O mesmo Tiago em sua epístola fala sobre a oração que não é respondida porque a pessoa que esta orando não busca a vontade de Deus, mas, sim a satisfação de sua concupiscência(Tiago 4.1-3)
.

Deus nos abençoe, e se Deus quiser, estaremos aqui numa próxima postagem.

Nenhum comentário:

Leia mais...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...