TRADUTOR

terça-feira, 4 de agosto de 2009

*A candeia do corpo


Lucas 11.33-36
A candeia para que dê a luz, ou seja, para que a sua luz alcance longe, tem que estar no velador, ou num lugar alto. Por isso também os nossos olhos estão no alto, por que são a candeia do nosso corpo.
Lucas 11.34 “A candeia do corpo é o olho. Sendo pois o teu olho simples, também todo o teu corpo será luminoso;mas, se for mau, também o teu corpo será tenebroso”.
Os olhos são uns dos órgãos mais importantes do corpo, ele dirige o corpo, mostra lhe obstáculos a frente, mostra lhe um defeito a ser consertado, um erro a ser reparado uma cor. Uma cor, uma imagem, pessoas, manchas, modulações, etç...
Mas, não só para a vida material, como também, para a vida espiritual. Ai na vida espiritual nem sempre é o órgão “globo ocular”, mas, abrange também a mente, o coração das pessoas.
Olhar com o coração Isaias 45.46 Olhai para mim, e sereis salvos, vós todos os termos da terra; por que eu sou Deus, e não há outro( o negrito mostra o sentido de olhar com o coração da frase).
O texto acima citado, também diz olhar com a mente. Assim sendo peçamos a Deus olhos simples, pois assim como o olho mal materialmente falando (cego) traz prejuízos ao homem assim também moralmente traz. Há pessoas que não são cegas, mas, tornam seus corpos em trevas de pecado.
I Peçamos a Deus um olho simples (Lucas 11. 34).
Um olho livre das concupiscências (I João 1.16). Concupiscência, incontinência desejo exagerado, descontrolado desenfreado. Esta palavra também pode ser interpretada por cobiça.
As concupiscências dos olhos são: Adultério ou mesmo prostituição mental (II Pedro 2. 14); cobiça (Deuteronômio 5.21, Miquéias 2.2, Gálatas 5.26); inveja (Gálatas 5. 26), maldade ou seja malícia (I Coríntios 14.20).
A concupiscência dos olhos, como cobiça, ela tem três principais objetos, não são eles os únicos, mas, os principais, que são as riquezas, o sexo, e o poder.
II Retire Deus de nós o olho mal.
Um olho cego espiritual e moralmente falando (Mateus 6.22,23). Como os olhos dos sodomitas (Gênesis 19.11). Já eram cegos espiritual e moralmente por causa, dos adultérios mentais, por causa das cobiças, da inveja e da maldade. Também acabaram por ficarem cegos fisicamente, graças a justiça de Deus para com Ló.
Não seja o nosso corpo tenebroso. Lucas 11.35. A luz ilumina retirando as trevas. Mas, se a lâmpada está apagada, tudo é treva. Se teu olho espiritual está cego, também conseqüentemente o seu corpo sofre. Ele está cheio de trevas, a conseqüência é que um abismo chama outro( Salmos 42.7). O adultério mental leva a prática (Tiago 1.14,15). A cobiça, leva ao homicídio, ao falso testemunho, ao adultério( prostituição), e muitos outros abismos. A inveja leva ao ciúmes, ao homicídio, outros abismos.
A maldade aqui toma várias proporções e horizontes de interpretações.
Maldade como impureza sexual, no coração, resultada do adultério mental ou prostituição no caso do solteiro (Mateus 5.28).
Maldade como o desejar do mal ao próximo, resultado da inveja, cobiça etç...
Maldade, como enxergar sempre o mal no próximo, como defeitos, erros habituais, já neste sentido não se trata de cobiça dos olhos, mas de malícia, ou seja, maliciar, interpretar mal, ou fazer mal juíza das coisas.
III Tropeços
A pessoa quando tem o olho mal e não simples, é difícil dela enxergar em si mesma aquilo que Deus não agrada, para que ela possa tirar. É mais fácil enxergar no próximo. Um conselho, não olhe para o próximo olhe para o alvo que é Jesus. Olhar o próximo é um abismo que chama o outro como murmuração (I Pedro 2.1, Números 12).
Alias os olhos maus não poderão ver a glória de Deus.
Conclusão

Mateus 5.29, por isso irmãos melhor nos é entrar no céu sem um olho do que perfeitos irmos para o inferno. O arrançar não é tirar literalmente o olho, mas, subordiná-lo a obediência a Cristo, crucificando a carne com suas paixões. Ressuscitando a Cristo em nossos corações (Romanos 6.6-11).

Nenhum comentário:

Leia mais...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...