Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2021

Qual o espirito que te guia?

 

Ponto a considerar 15: "...O Diabo e seus anjos..."

Imagem
Mateus: 25. 41. Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai- vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o Diabo e seus anjos; - Bíblia JFA Offline A palavra anjo tem origem no termo grego ággelos que significa mensageiro. Olhando por esta lógica, vemos que muitos se tem feito anjos do Diabo, e não é presunção minha dizer que o inferno também foi feito para estes. Muitos de nós se tem feito seus anjos, seus mensageiros, seus ministros, porque infelizmente muitos cristãos, deixaram de ministrar a vontade de Deus, e ministram a vontade de Satanás, outros nunca chegaram a conhecer a vontade de Deus. Muitos de nós chingam, amaldiçoam, escarnessem, exploram a fé dos leigos e simples, roubam e extorquem o dinheiro dos fiéis, dizem que Deus diz quando Ele não falou, não perdoam, não amam, assacinam, se embriagam, são sensuais, avarentos, mentirosos, não pregam a Bíblia de forma honesta, mas, sim com conveniência carnal, cheios de cobiça, torcem as verdades

Ponto a considerar 14: "...em toda maneira e em todas as coisas estou experimentado..."

Imagem
Filipenses: 4. 11 a 13. Não digo isto por causa de necessidade, porque já aprendi a contentar-me com as circunstâncias em que me encontre. Sei passar falta, e sei também ter abundância; em toda maneira e em todas as coisas estou experimentado, tanto em ter fartura, como em passar fome; tanto em ter abundância, como em padecer necessidade. Posso todas as coisas naquele que me fortalece. -  O ponto a considerar nesta reflexão, está contido, em duas expressões de Paulo, a primeira é;"porque já aprendi a contentar-me com as circunstâncias em que me encontre" , e a segunda;"em toda maneira e em todas as coisas estou experimentado". Paulo não disse que estava satisfeito por estar naquelas circunstâncias, mas, que havia aprendido a estar bem, a estar contente, a receber e perceber a benção e o agir de Deus em tudo aquilo. Ele estava é satisfeito por estar em Cristo, vivendo aquelas circunstâncias, porque não estava sozinho(Filipenses 4.13). Mas, desta referência o q

Sede meus imitadores

 

Aquele povo foi embora p'ra Sião

Imagem
 " Aquele povo foi embora p'ra Sião" Sião na linguagem biblica se refere a terra de Israel. Mas, na linguagem devocional e cristã se refere a nossa patria celestial a "Sião Celeste, repouso dos santos", como diz a nossa hinodia assembleiana, ou seja, a Jerusalém Celestial e respectivamente ao novo céu e a nova terra, que o Senhor Jesus nos tem preparado.  Este hino, cuja a frase destaquei em itálico e negrito, fala sobre o arrebatamento. Desde minha saudosa infância sendo levado por minha mãe uma batista às campanhas da Igreja Deus é amor", que eu ouço está letra. E sempre que eu a ouço acompanhada de sua melodia, eu sou tomado por um saudosismo, por um sentimento e uma sensação de iminência, tenho em minha mente impregnado o quadro daquele dia. O grande e esperado dia da nossa redenção. O maranata. Ao mesmo tempo sou arremetido para os meus pecados, e para aquelas inclinações que tão insistentemente minha carne vil se apega, e me abomino então e sou tomado

Eu e o Pai somos um...

 

Entrai pela porta

 

Ponto a considerar 13: " O Reino de Deus, não consiste em palavras... "

Imagem
1 Coríntios:4.20  "Porque o reino de Deus não consiste em palavras, mas em poder". - Bíblia JFA Offline Já tenho lido muitos livros, ouvido muitos hinos e músicas cristãs, tenho escutado inúmeras pregações e exposições da palavra de Deus. E já faz um tempo também que tenho andado fastigado, às vezes com o povo, as vezes com os pregadores. Não posso dizer, que dos que tenho ouvido, sejam pregadores de bajulação, muitos até possuem mensagens poderosas. Mas, o meu cansaso, está na apatia e indiferença do povo diante das pregações, e da parte dos pregadores é de contentar com a aparente aceitação.  Mas, aí você me diz, mas, irmão nosso compromisso é apenas pregar, e o resto é com Deus. E eu pergunto se você podesse ver o inferno que os aguarda, sentir em sua carne a aflição e o fim o qual lhes espera, será que não farias algo mais?  Quando Jesus entrou no templo, porque será que Ele não se contentou em chamar os cambistas de ladrões? Porque será que "Ele fez um chicote d

Sem mim nada podeia fazer...

 

O diabo crê

 

Desde que os pais morreram...

 

Ponto a considerar 12: ..." frutos dignos de arrependimento ".

Imagem
Mateus 3:8 - Dêem fruto que mostre o arrependimento! A maioria das árvores tem fruto, nem todos os frutos das árvores frutíferas são comestíveis. Os frutos, como sabemos são na verdade a semente das árvores, ou seja, é o projeto de uma nova árvore. Se João exigia, e hoje igrejas sérias ainda o faz, que a pessoa antes de ser batizada, mostre frutos de arrependimento. Sabemos que mesmo assim muitos enganam os líderes religiosos, e se banham nas águas batismais. Se o fruto de uma árvore é o projeto de uma nova árvore, então o fruto de arrependimento é um poderoso testemunho capaz de gerar novos arrependimentos.  Um testemunho fiel de uma vida realmente convertida a Jesus, o testemunho que demonstre real arrependimento de uma vida de pecados. É como um forte luzeiro que apresenta- se numa tremenda escuridão, seu brilho é tão forte que os olhos acostumados com o escuro são forçados a se protegerem de sua luz, eles ardem ao resplendor de seu brilho. Igualmente um pecador não pode esquiva

Ponto a considerar 11:"... e o Verbo era Deus".

Imagem
Uma das dificuldades nossa de entender a trindade. "A trindade, é ver a Deus como uma pessoa humana, e Deus não é uma pessoa humana, sua humanidade só veio a ser ou existir na pessoa física do "Filho do Homem", Jesus.  Mas, Deus não é humano, por isso não está limitado. A ideia de um Deus ilimitado não só leva nos a pensar em onisciência, onipotência e onipresença, mas, mostra-nos que Deus não está presente em todos os lugares apenas em essência, mas, também o está integralmente. Porque se ele é onipresente, ao mesmo tempo onisciente e ao mesmo tempo onipotente então é também universalmente integral. No contexto de seu ministerio terreno, Jesus havia esvaziado de sua glória e tudo o que fazia, o poder que manifestava era pela pessoa do Espírito Santo, e se em algum momento usou a sua própria onipresença o fez apenas em essência."Seja a atitude de vocês a mesma de Cristo Jesus, que, embora sendo Deus, não considerou que o ser igual a Deus era algo a que devia ape