TRADUTOR

sexta-feira, 12 de julho de 2013

Táticas do Espírito do Anticristo. Parte 10

5º Avareza.


Na época do catolicismo predominante os lideres inventavam de tudo para extorquir dinheiro do povo, vendiam até mesmo indulgencia, hoje em dia os lideres neopentecostais e carismáticos redescobriram isso, e fazem de tudo para arrancar o ultimo centavo do bolso do ingênuo. A avareza o amor ao dinheiro é um fator que divide denominações, como conhecemos hoje as muitas campanhas fogueiras Santas em Israel, óleos ungidos, cajados, flor, arcas da aliança. A rede globo, certa vez fez até piada de nós devido a isso, pequenas igrejas grandes negócios.
É por causa do real que muitos pastores dividem campos, e se emancipam, não posso julgar todos, mas, muitos até mente ou são usados pelos espíritos de enganos para dizerem que essa divisão saiu do coração de Deus.Para muitos lideres cristãos de hoje o cristianismo é verdadeira pata dos ovos de ouro, eles esquecem estão lidando com almas, e vão ter que prestar contas de cada uma delas perante o justo juiz.

6º Falta de conversão ao propósito de Jesus Cristo.


Certa vez Jesus disse a Pedro:
“...e tu, quando te converteres, confirma teus irmãos”(Lucas 22.32).

Esta mesma palavra serve para muitos, que são crentes que são convertidos, mas, são crentes e são convertidas a religiões as ideologias de homens, mas, não a Jesus. Saiba Jesus disse certa vez que quem com ele não ajuntam espalha ( Mateus 12.30). Será que seguimos o mesmo caminho que aquele que chamamos de mestre?
Há um proposito no coração de Jesus, e a sua igreja que é cumprir toda vontade do Pai, e a vontade do Pai é que ninguém se perca, todo aquele que procurar estar nos mesmos passos de Jesus, esta a confirmar os seus irmãos na fé, através da genuína propagação do evangelho e de todas as armas que o amor de Deus nos proporciona.
O meu questionamento será que o nosso cristianismo segue mesmo nos mesmos passos e na mesma direção que Cristo, Jesus disse olha se me perseguiram também perseguiram a voz. Pedro e os demais apóstolos estavam todos procurando um Messias secular que viesse atender aos propósitos e anseios dos israelitas, mas, Jesus não estava ali para erguer uma nação, mas, seus olhos estava na vida de cada pessoa em individual, e ele queria era salva-los da condenação eterna.Pedro era um zelote, ele não tinha os mesmo propósitos que o mestre, ele não esperava um Messias espiritual, mas, um rei um governante humano segundo a linhagem de Davi. Ele por várias vezes se escandalizou com Jesus quando ele declarava a sua missão que era morrer para a remissão dos pecados, e Pedro nestas vezes dizia, "não Senhor, não digas tal", e Jesus então o repreendeu certa vez, e disse não nestas palavras é claro " olha você esta dando ouvidos aquele que não entende os propósitos de Deus"(Marcos 8.27-33). Pedro só veio a compreender a Jesus quando veio a deixar de ser zelote, para ser de corpo e alma apostolo, discipulo e pregador do evangelho, foi quando Pedro se converteu de verdade.


7º Cobiça, inveja e espírito faccioso.



Quantas pessoas saem de suas denominações cristãs, por estarem de olho, na posição social, nos cargos e como não conseguem procuram fundar seus próprios ministérios. Cobiçam o dinheiro, mas não querem compromisso com o pastorear, Jesus chamou os mesmos de mercenários ( João 10.11-13). Eles não dão a vida pelas suas ovelhas, pelo contrario quando vem o frio sacrificam suas ovelhas, para comer suas carnes e gorduras e se aquecerem com suas peles.
Movidos por um sentimento de inveja que os corroem e produz uma raiz de amargura, os tais não só cobiçam a posição dos outros, mas, fomentam intrigas, promovem facções (divisões), desfazendo as palavras dos pastores, mesmo que os tais caiam, todavia suas sementes de divisão já foram plantadas no seio da comunidade em que congregavam (Tiago 3.13-14/1 Timóteo 4.1,2).

8º Medo.



O básico de toda a divisão no seio do cristianismo é a falta de abertura para a verdade que pode ser proporcionada por um coração orgulhoso, e inflexível (muita das vezes cegado por, inveja, espírito de engano, espírito faccioso, cobiça  e ou medo), mas, também muita das vezes essa falta de abertura para a verdade é proporcionada pelo medo. A pessoa se torna cega, obtusa, se recusa a ouvir (quando digo ouvir, estou dizendo de prestar atenção,examinar, ponderar sobre o mesmo, e ser humilde para aceitar quando a conclusão óbvia for que esta errado).
Geralmente aqui se encaixa aquele grupo que Pedro falou dos que distorcem as sagradas escrituras, que são os indoutos (2 Pedro 3.16 ), mas, digo se encaixam quando os mesmo achando estarem certos em suas interpretações ficam com medo de ouvir o que um irmão instruído tem a lhe dizer achando ser o mesmo um lobo cruel querendo o enganar e com medo de ser enganado, não preta a atenção, e repete suas crenças como um mantra e como uma viseira. Sendo esse indouto um líder pode até mesmo se tornar hostil para com o expositor da verdade.


9º Colocar os dogmas no mesmo patamar que a Bíblia ou mesmo acima.


Jesus repreendeu os anciões dos judeus, por causa da chamada tradição dos anciões, que invalidava muitos dos mandamentos da palavra de Deus (Mateus 15.1-20 ). Se uma denominação coloca seus dogmas e tradições no mesmo peso que a bíblia de forma a competir com ela, muita das vezes até mesmo a substituindo isso não tem a aprovação de Deus, e isso causa divisão no cristianismo. Foi por isso que os reformadores foram expulsos do catolicismo, pois o mesmo até hoje  tem seus dogmas e tradições mais em estima do a que a santa palavra de Deus.Mas, não podemos ficar sossegados quanto a isso no meio cristão, pois isso até hoje ainda causa divisão pois, muitas denominações põem seus dogmas, como verdadeiros papas, que são intocáveis, e inquestionáveis, quando alguém os põem em cheque o mesmo excomungado.

10º Querer converter a igreja a si.


Por fim este fator tem sido a febre das ultimas, décadas, já escrevi sobre isto em outra postagem de nome, uma geração sem arrependimento, nele falei que se há algum problema, as pessoas logo concluem preciso mudar de denominação. Como diz as santas escrituras, eles possuem coceiras nos ouvidos e não a suportam mais, não possuem paciência para escutar os santos ensinamentos, por isso procuram formar doutores em teologias para explicar que seus erros e pecados não são erros e nem pecados. Assim nasce uma denominação nova a cada dia, uma para cada pecado, assim como existe um santo no romanismo para cada dia do ano. Querem converter a igreja a si mesmos, mas, não querem se converterem a Jesus. Como disse lá em cima, muitos são até convertidos a religião, mas, não a Jesus Cristo, nesse caso aqui difere um pouco, pois eles querem é converter a igreja aos seus próprios ideais e concupiscências nocivas de cada dia(2 Timóteo 4.3,4).
Quando falei sobre quem são os que distorcem as escrituras em outra postagem antiga, disse sobre este grupo, que a bíblia os classifica através do apostolo Pedro de inconstantes (2 Pedro 3.16).Pessoas que até mesmo distorcem a palavra forçando uma interpretação que favoreça o seu erro.

Conclusão.


Segundo Finney o egoismo humano é o resumo de todo o pecado, assim como o amor é o resumo de todo o cumprimento da lei. Sendo assim só podemos concluir, que o que move todos estes motivos e ou fatores para as constantes divisões se chama egoismo. Porque as pessoas possuem a si mesmas como o centro de tudo, e quando tomam alguma decisão só pensam e consultam aos seus próprios egos, ao invés de Deus, e de suas santas escrituras, pensam em si mesmas e não no próximo e se dizem que pensam é por que estão interessadas em algo que este próximo tem para as oferecer.

Nenhum comentário:

Leia mais...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...