Deus nos prova para que a sua justiça fique evidente

Dentro da série de reflexões sobre o provar de Deus tenho me esquecido, quando falava de para que somos provados, de mais um que quero falar. Deus nos prova para que a sua justiça fique evidente.
Posso afirmar sem contradizer tudo o que já tenho falado que, "Deus nos prova realmente para saber o que há em nós", não que Ele não saiba, quem não sabia era o anjo que fora mandado por Ele a Abraão(Gênesis 22).Mas, Ele nos prova no intuito de comprovar o que Ele já sabe. Deus não implanta provas e nem as cria, mas, nos testa e o que há em nós se manifesta, por que como ele mesmo disse, "a boca fala do que o coração está cheio"(Mateus 12.34), ou seja, Ele não implanta provas, e também não nos tenta ao pecado, o que tenho dito é que Ele faz uso das tentações, tribulações e lutas as quais Ele pela sua onisciência já sabe que sobrevirão ao viver em Cristo, dos justos ou mesmo dos impios. Por que a luta é o resultado natural do viver, e a luta do cristão contra a carne, o diabo e o mundo produz tribulações(sofrimentos) na nossa carne. Ou seja, Ele nos prova por meios já existentes. Mas, e quando Ele mesmo cria meios, como no caso de Abraão em Gênesis 22?
Digo que Ele não nos tentara, não nos induzirá ao mal.
Esta é uma prova direta, ou seja, uma prova em que Ele mesmo chega e nos prova, e não uma prova em que Ele nos avalia por meio de situações pré-existentes, situações as quais passamos e que nós entramos nelas pelos nosso próprios pés, e não ele nos pôs nelas.
Voltando ao que dizia de inicio; Deus nos prova, para por meio destas provas, nos provar, ou seja, mostrar nos evidencias inequívocas a nós. Como no caso do pecado, em nossa consciência sabemos que pecamos, e mesmo assim resistimos a nossa consciência.Enquanto o pecado está apenas dentro de nós, não admitimos se Deus virar para nós e nos condenar por Ele, mesmo que o seu juízo é inequívoco. Mas Eles nos mostra por meio de fatos o que há em nosso coração, fatos estes que acontecem em nossa vida, não haverá argumentos no homem contra Deus, por que agora será três contra um, a consciência, a palavra de Deus, e a prova ou o fato. A Bíblia diz que,"serão os mortos no juízo final, julgados pelas obras deles escritas nos livros"(Apocalipse 20.12).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não vos conheço...

Estudos em PDF

Muletas da fé