A quem importa?


 Mateus 6:4,6, 17,18 para que a sua esmola fique em secreto. E o seu Pai, que vê em secreto, lhe dará a recompensa.

 Mas, ao orar, entre no seu quarto e, fechada a porta, ore ao seu Pai, que está em secreto. E o seu Pai, que vê em secreto, lhe dará a recompensa.

Mas você, quando jejuar, unja a cabeça e lave o rosto, a fim de não parecer aos outros que você está jejuando, e sim ao seu Pai, em secreto. E o seu Pai, que vê em secreto, lhe dará a recompensa.

 Diante destes textos bíblicos, vem a pergunta. Para quem importa o que você faz? E, qual é mais importante, a sua reputação ou a sua comunhão com Deus? Sim, porque nestes textos Jesus confronta a realidade de nossa vida devocional e piedosa diante de Deus, com a nossa vontade de ser visto, admirado, e prestigiado pelos homens. 

Jesus faz sublinha o que fala, pois quando você ora ou jejua, você o faz é a Deus, logo é a Deus quem importa a sua oração e seu jejum. Pois você busca receber é de quem é dos homens ou é de Deus. Se é dos homens você precisa realizar um espetáculo de teatralidade, e mesmo assim vais sair sem nada, pois as glorias dos homens são pequenas, futeis e passageiras. Mas, se é para Deus, o que vem dele é eterno, abençoado, não acrescenta dores, e você precisa ser sincero. Deus busca gente sincera, não tem como você falar com Ele sendo falso, é pura perda de tempo, pois ninguém mente a Deus. 

Por isso é importante procurar agradar a Deus em suas devoções piedosas.

 O que você faz, é para uma self? Ou é fruto de um coração bondoso, enchido pelo Espírito Santo?

Agora que nos pode acrescentar os elogios e os olofotes dos homens? O que as palmas dos ímpios pode nos garantir? São mais voláteis que a nossa pequena e momentanea vida. Mas, infelizmente são tão ilusórias e sedutoras que o mais sábios dos homena por uma vez ou outra cai em seus maléficos encantos. Não diz assim a Biblia?

1 Coríntios 3:19 Porque a sabedoria deste mundo é loucura diante de Deus. Pois está escrito: “Ele apanha os sábios na própria astúcia deles.”

 20 E também: “O Senhor conhece os pensamentos dos sábios, e sabe que são pensamentos vãos.”

 Mas, aqui está Jesus a nos aconselhar e nos estimular a não preocupar com as vanglorias deste mundo. É neste mesmo capítulo e sermão que Ele vai nos, exortar a não acumular tesouros nesta vida, a não tentar servir a dois senhores e a não andarmos ansiosos e sobrecarregados com os cuidados deste mundo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Transformados

Estudos em PDF

Muletas da fé