Os filhos também são santos


 1 João 3:2 Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não se manifestou o que havemos de ser, mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele, pois o veremos como ele é.


 Estava em meu serviço, então uma de minhas colegas perguntou a minha enfermeira chefe.
" Você é crente?" Ela respondeu.
"Sim, sou crente".
" Há então me desculpe, eu não sabia que você era crente, até que eu te vi saindo de saia".
" Desculpa por que?"
"Porque eu te falei sobre aqueles filmes, você não vê, filme né?"
" Não eu vejo, sim. Eu não sou santa não sabe..."
Até aqui acho que já deu pra você entender o que eu quero dizer, que de certo esta pessoa ou é um analfabeto bíblico, ou um crente frio mesmo. A Biblia diz em Pedro, " sede santos, como santo é aquele que voz chamou."  E João disse que somos filho.
Quando ouvi este disparate gospel, eu fui logo lembrando desta passagem, se o Pai é santo, nós que somos filhos deveriamos ser o que? Não seriamos santos também? 
Alguém diz:
" Filho de crente não é crentinho". Mas, Filgo de Deus é santinho. Pois no céu não entra pecado, e Deus não recebe em seu reino aquilo que provoca escândalo. Jesus disse que aquele que não nascer de novo não pode entrar no Reino dos céus, e que aquele que não é santo não pode ver a Deus(  João 3.3/ Mateus 5.8  ).  Eu fico admirado com aqueles que não se importam em manchar o bom nome de Cristo. Ela disse que era crente, mas, não era santa como se ser santo, fosse sinônimo de hipocrisia, como se coisa de crente legalista, ou como se fosse algo desnecessário a vida cristã, quando na verdade é algo vital a vida cristã. 
A minha pergunta é. " Se somos Filhos de Deus que é santo, por que não haveriamos de ser? Que outra coisa haveriamos de ser, visto santidade ser aquilo que Deus procura, e é aquilo que o Espírito Santo promove, na vida daqueles que se permitem ser guiados pelo Espírito.( João 3. 1 a 21/ Galatas 5. 16 a 26 )
"Agora somos Filhos" esta argumentação João começou no capítulo 1 de seu Evangelho, segundo João, onde ele disse, que todos aqueles que receberam ao Senhor Jesus, ganharam de Deus o direito de serem Filhos de Deus. E agora na carta ele diz, "agora somos Filhos", ou seja, já recebemos a promessa do Pai, agora nos aguarda quais serão as bênçãos eternas que ele tem reservado para aqueles que hoje são seus Filhos. Logo eu quero ser santo, pois Deus diz que eu sou filho.
A Biblia também diz que somos filhos amados, e veja o que mais diz, neste mesmo texto:
Efésios 5:1-10 Portanto, sejam imitadores de Deus, como filhos amados, e vivam em amor, como também Cristo nos amou e se entregou por nós como oferta e sacrifício de aroma agradável a Deus. 
 Entre vocês não deve haver nem sequer menção de imoralidade sexual nem de qualquer espécie de impureza nem de cobiça; pois estas coisas não são próprias para os santos. Não haja obscenidade nem conversas tolas nem gracejos imorais, que são inconvenientes, mas, ao invés disso, ação de graças.  Porque vocês podem estar certos disto: nenhum imoral nem impuro nem ganancioso, que é idólatra, tem herança no Reino de Cristo e de Deus.
 Ninguém os engane com palavras tolas, pois é por causa dessas coisas que a ira de Deus vem sobre os que vivem na desobediência.  Portanto, não participem com eles dessas coisas. 
Porque outrora vocês eram trevas, mas agora são luz no Senhor. Vivam como filhos da luz, pois o fruto da luz consiste em toda bondade, justiça e verdade; e aprendam a discernir o que é agradável ao Senhor.
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O cetro da impiedade

Palavra importante 9: Equidade

Conheçamos